Pesquisar este blog

quarta-feira, 6 de março de 2013

Viva a mulher!



(homenagem pelo dia internacional da mulher)
 
A bíblia, ao contrário do que muita gente pensa, descreve a mulher com características sublimes. A mulher virtuosa descrita no livro de provérbios, no capítulo 31, que foi escrito a 700 a.C, exibe uma mulher bonita, inteligente e esforçada. Ela administra o seu lar distribuindo tarefas às suas empregadas, avalia e compra um terreno com seu próprio dinheiro. Por causa dela o seu marido é respeitado na cidade. É proativa e não deixa sua família desprevenida. Sabe se vestir e não é preguiçosa.
            Assim, encontramos nas Escrituras o que Deus tem como modelo de uma mulher segundo o seu coração. Essa porção das Escrituras serve para esclarecer muito sobre o conceito de mulher, sendo assim, a mulher é uma das mais belas criações de Deus.
            Vou resumir algumas características da mulher:
a) É tão especial que já na sua criação foi diferenciada, enquanto que o homem e os animais foram feitos do pó da terra, ela foi feita de um material mais especial - uma costela!
b) Como um artista importante que só entra em cena depois, foi assim com a mulher. Quando tudo estava pronto: a natureza, o homem e os animais, Deus pensou e a providenciou  para concluir a sua obra. Que honra!
c) Tem um papel importante: sem ela a vida do homem não teria tanta graça, que veio inicialmente com a missão especial de curar a solidão de Adão. Imagino eu que quando Adão abriu os olhos disse: Que belezura, Pai!
d) Deus projetou-a para ser bonita e eficiente, pois somente a mulher consegue fazer várias tarefas ao mesmo tempo, como por exemplo: ela consegue embalar o carrinho do bebê com um pé, mexer o mingau com uma das mãos e conversar ao telefone. Tudo isso sem perder o sincronismo. É multitarefa!
e)A mulher não tem tanta força física quanto o homem, mas possuir uma energia e determinação que mesmo estando doente consegue fazer suas atividades. Que resistência!
f) Deus arquitetou-a para conseguir levar em seu ventre uma nova vida e também lhe deu o direito de alimentar sua cria e produzir o principal alimento do bebê. Que privilégio!

Lincoln Máximo Alves